Pular conteúdo

Workshop de Plano de Ação: A seta

Este workshop tem como objetivo ajudar os participantes a definir, decidir e alcançar seus objetivos. Ele apoia os participantes a imaginar onde eles querem estar no futuro, em um nível holístico, e ajuda a definir os passos que os levarão até lá. Ao final, os participantes terão uma imagem mais clara das ações que eles precisam realizar.

Conheça Liderança do Futuro

Um curso online de 6 semanas para transformar o seu jeito de liderar com base em ferramentas e a mentalidade de um líder do futuro.

Saiba Mais

60-120 min

Período de tempo

2-40 pessoas

Tamanho do grupo

FLIP CHART / QUADRO BRANCO, CANETAS & CADERNOS

Materiais utilizados

Passo 1

Os participantes trabalham em pares.

Cada participante tem um flip-chart com o modelo de seta desenhado sobre ele (a seta deve ocupar a maior parte da folha). Prepare-os com antecedência ou peça aos participantes que dessem.

Introduza a sessão. Explique que o objetivo é ajudar os participantes a criar uma visão do futuro e a estabelecer ações tangíveis sobre como atingir essa visão.

Em pares, os participantes se entrevistarão: a pessoa A entrevistará a pessoa B, passando por todas as etapas e depois a pessoa B faz o mesmo com a pessoa A.


Passo 2

Peça que os participantes fechem os olhos e visualizem sua vida daqui a 1 ano (ou outro horizonte de tempo, veja as notas do facilitador abaixo).

Peça que eles explorem essa visão futura e guie-os com perguntas como:

  • Quem está com você? Quem está ao seu redor?
  • Do que você se orgulha?
  • Em que você está trabalhando?
  • Como é o seu dia?
  • O que você faz no seu tempo livre? - etc.

Adapte essas perguntas ao grupo com o qual você está trabalhando e seu contexto particular.

Após a visualização, todos os participantes desenham sua visão no ponto 1 em seu flip-chart. Ao desenhar, os participantes tornam sua visão tangível sem se concentrar demais nos detalhes.

Após o desenho, a pessoa A começa a entrevistar a pessoa B.


Passo 3

Pessoa A entrevista a pessoa B.

Primeiro, o entrevistador pede a seu parceiro para imaginar os fatores-chave que apoiaram a visão a ser realizada.

Lembre os participantes para falar como se estivessem olhando para trás, descrevendo o que os ajudou a perceber sua visão. Eles devem estar no tempo da visão e voltar para o presente. Poderia ser coisas como "Eu recebi realmente uma boa ajuda do meu mentor", "comecei a trabalhar regularmente", "eu contratei um contador" ou "eu enfrentei meu medo do fracasso". Tudo o que teve um efeito positivo na realização a visão.

Durante este passo, o entrevistador deve escrever cada fator-chave em um post-it e fixe-lo no ponto 2 no flip-chart de seu parceiro.


Passo 4

Em seguida, o entrevistador pede ao seu parceiro que identifique três fatores prejudiciais que quase o fizeram falhar.

Esses fatores são as coisas que quase o fizeram desistir de alcançar a sua visão. Isso poderia ser: "eu me atrasei demais e cheguei tarde muitas vezes", "No início, não ousei sair do meu trabalho para começar algo novo" ou "quase não disse à pessoa que eu gostava que tinha uma queda por ela.” Mais uma vez, o entrevistador escreve isso nos post-its e os fixa no ponto 3 no modelo.

O entrevistador continua perguntando sobre os três fatores prejudiciais, mas muda o foco para o que a pessoa fez para superá-los. Por exemplo, “eu contratei um serviço de despertar para me acordar todas as manhãs", "eu desenvolvi uma nova habilidade que me levou ao meu novo emprego dos sonhos". O entrevistador escreve essas soluções no post-its e as atribui aos problemas junto ao modelo.


Passo 5

Finalmente, o entrevistador pede ao seu parceiro que considere os passos que eles já tomaram em direção a sua visão. Eles podem dizer: "Eu me inscrevi para este curso", ou "eu comecei a treinar nesta nova habilidade".

A linha pontilhada representa hoje e o entrevistador escreve e adiciona estes post-its ao ponto 4 no modelo.

Após a conclusão da primeira entrevista, repetem o processo invertendo os papéis.


Passo 6

A flecha de cada participante está agora cheia de post-its que representam um plano de ação para alcançar a visão. Se o horizonte temporal é de 3 meses ou 3 anos, a seta representa um caminho realista para chegar até lá

Incentive os participantes a manter sua flecha e até mesmo publicá-la em algum lugar onde eles a vejam e se inspirar nela diariamente.

Termine a sessão com um check-out onde cada participante compartilha a próxima ação que eles tomarão em direção a visão deles.


Fontes e afins

Texto da Hyper Island. Inspirado por:Visual Leaders, David Sibbet

O carrinho está vazio