Pular conteúdo

Alinhamento e autonomia

Um workshop, inspirado no modelo de responsabilidade pessoal de Peter Smith, para a equipe ponderar e, em última instância, melhorar seu alinhamento com o propósito/objetivos e a autonomia dos membros da equipe. Use-o para consolidar uma cultura de responsabilidade pessoal, capacitando a equipe para se adaptar rapidamente e transitar pela mudança.

Conheça Liderança do Futuro

Um curso online de 6 semanas para transformar o seu jeito de liderar com base em ferramentas e a mentalidade de um líder do futuro.

Saiba Mais

60-120 min

Período de tempo

2-40 pessoas

Tamanho do grupo

FLIP CHART / QUADRO BRANCO, CANETAS & CADERNOS

Materiais utilizados

Passo 1

Antes de iniciar o workshop, na qualidade de líder, dedique um tempo para pensar e definir dois pontos importantes:

1. Definir os parâmetros aceitáveis de autonomia para a sua equipe

2. Definir o que a sua equipe precisa alinhar

Caso você não seja o líder formal do grupo, discuta esses dois pontos com o líder em questão. Trata-se de um passo prévio importante, visto ele que criará uma base para o workshop e para as decisões decorrentes dele.

Se a equipe ainda não tiver definido de maneira clara seu propósito, cultura e rotinas de trabalho, considere aplicar as ferramentas Propósito e cultura e Ponto de partida antes de realizar este workshop.

Uma vez que os parâmetros de autonomia e alinhamento sejam satisfatórios, reúna o grupo e aplique a ferramenta de Alinhamento e Autonomia de Peter Smith.

Este artigo apresenta uma descrição detalhada da ferramenta. Para uma introdução breve, assista aos primeiros cinco minutos deste vídeo do Henrik Kniberg, Coach de Agile no Spotify.

Uma opção é pedir que os participantes leiam o artigo e/ou assistam o vídeo antes do workshop. Não deixe de reservar um tempo para discutir e compreender o modelo antes de seguir para o Passo 2.


Passo 2

Peça ao grupo para fazer uma reflexão sobre os últimos 3-6 meses do trabalho com a equipe.

Com base na compreensão coletiva do modelo, peça que cada um pense em momentos quando se sentiu:

  • Extremamente alinhado, extremamente autônomo
  • Extremamente alinhado, não tão autônomo
  • Não tão alinhado, extremamente autônomo
  • Não tão alinhado NEM autônomo

Não há problema se o grupo não conseguir pensar em um momento para cada um, porém incentive-os a fazer uma reflexão profunda e explorar seu próprio relacionamento com a equipe e a empresa, fazendo anotações durante a reflexão.

Depois que todos tiveram tempo para essa reflexão, peça que compartilhem, um de cada vez, com todo o grupo.

Opcional: Uma ideia é traçar uma linha de tempo na parede com os últimos 3 ou 6 meses e pedir para cada participante escrever seus momentos nesta linha quando forem compartilhar.


Passo 3

Agora peça ao grupo que pense individualmente nas seguintes perguntas:

  • O que me ajudaria a estar mais alinhado com o propósito e os objetivos da equipe?
  • O que está impedindo meu alinhamento?
  • O que me ajudaria a ser mais autônomo?
  • O que está impedindo minha autonomia?

Peça aos participantes que sejam francos e abertos, na medida do possível, e que sejam específicos ao falar do que os impede ou ajuda.

Mais uma vez, peça que compartilhem um por um com o resto do grupo.

Após a rodada de compartilhamento, procure resolver quaisquer possíveis equívocos ou mal-entendidos, sem deixar de esclarecer as expectativas do que é possível em termos de autonomia.


Passo 4

Finalmente, com base no que foi expresso no passo anterior, convide o grupo a sugerir ações tangíveis que a equipe poderia pôr em prática para aumentar o alinhamento e a autonomia.

Peça aos participantes que sugiram ações, escrevendo cada uma num post-it e colando na parede. Feitas as sugestões, revise-as e decida em grupo como proceder com cada uma.


Passo 5

Encerre a sessão com uma rodada rápida, pedindo para cada membro compartilhar um aprendizado chave do workshop.



O carrinho está vazio